Castro Marim «fugiu» às cerimónias tradicionais do feriado de Abril

0
307

A câmara municipal de Castro Marim decidiu este ano não levar a cabo as “tradicionais cerimónias” de celebração do feriado alusivo à  «Revolução de Abril» e garante que o que proporcionou foi “um rico e diversificado programa cultural (…) dando lugar à verdadeira essência deste dia, liberdade!”

A comunicação da câmara conta que “as comemorações da Liberdade contaram com a peça de teatro «Geração Facebook», o concerto de Domingos Caetano, «Canta Zeca Afonso», a arruada da Banda Musical Castromarinense pelas principais povoações do concelho, a tradicional largada de pombos no Forte de S. Sebastião e o passeio familiar de bicicleta, em Altura”.

Em carteira está ainda “o workshop de defesa pessoal, a ter lugar no Pavilhão Municipal de Castro Marim, no próximo sábado, dia 28 de abril, pelas 10h00”.

Em nota oficial o município explica que “organizado pela Câmara Municipal de Castro Marim, o programa do 25 de Abril em Castro Marim contou com os apoios das Juntas de Freguesias de Odeleite, Azinhal, Castro Marim e Altura, do Clube Recreativo Alturense, da Banda Musical Castromarinense, da Sociedade Columbófila Castromarinense, da Associação Rodactiva e do Leões do Sul Futebol Clube”.

Educadora Fátima Valentim promoveu sessão: «Conversas sobre a Liberdade, Liberdade para Conversar»

E, ainda, quanto às comemorações é de referir que a câmara municipal de Castro Marim associou-se à organização do evento a cargo da educadora Fátima Valentim que promoveu no passado dia 13 de Abril, a sessão à volta do livro de sua autoria «À procura da Liberdade». Tratou-se de «Conversas sobre a Liberdade, Liberdade para Conversar», no Guarita Terrace, da Praia Verde. A destacar deste evento a inauguração da exposição das ilustrações da obra em literária em questão criadas pelo artista plástico Nuno Rufino. Numa sessão onde houve ainda a oportunidade de ouvir as sábias palavras do ex-combatente anti-fascista Carlos Brito que nos falou do antes e depois do 25 de Abril de 1974 numa preocupada atenção aos dias de hoje.

A música fechou a sessão. Luís Galrito cantou-nos a Liberdade num reportório de músicas de intervenção e revolucionárias para a época em que foram criadas, sendo que mais uma vez, Zeca Afonso esteve em destaque.

Publicidade
Partilhar
Susana Helena De Sousa
Formação Superior em Jornalismo (Carteira Profissional 9621): Especialização em Imprensa Escrita pelo Centro Nacional de Formação de Jornalistas (CENJOR) Formação media pela Representação da Comissão Europeia em Portugal Experiência em Jornalismo: Rádio (Voz D'Almada, PAL FM, Guadiana FM), Televisão (TVI, AXN, RTP, Canal História) e Imprensa Escrita (Jornal de Setúbal, Semanário O Algarve, Jornal i, Jornal do Baixo Guadiana); Tese de Licenciatura Bi-Etápica: «Serviço Público de Televisão», (publicação com entrevista a Carlos Pinto Coelho) Co-produção, realização e apresentação do programa de Rádio «Se Dúvidas Existem...», do Núcleo de Estudos e Intervenção Psicolõgica de VRSA Co-produção, realização e apresentação do programa «Viver Aqui», do Núcleo de Imigração da Cruz Vermelha Portuguesa de VRSA para o Alto Comissariado para o Diálogo Intercultural Assistente de Realização para Televisão Produtora para Televisão Escrita para Reportagens Televisivas Escrita de Documentário para TV «O Contrabando no Baixo Guadiana» Escrita do texto filme documental «Um Dia na Santa Casa», de Eduardo Soares Pinto Formação Avançada em Dança Contemporânea (CIRL) Formação Inicial em Teatro (TAS, Teatro O Elefante) Formação Inicial Interpretação para Televisão (Aloysio Filho pela ACT) Participação em antologia poética «5.50» (Poetas do Guadiana) Escrita de prefácio para obra editada (Os Poetas do Guadiana nos meios de comunicação social) e outra obra inédita Autora convidada do livro de contos «Ruas» de Pedro Oliveira Tavares e João Miguel Pereira Revisão de Livro de Contos inédito de Mouji Soares Curandoria de exposição de fotografia de Eduardo Soares Pinto, Espanha Co-organização da exposição internacional de arte «Minha Fukushima» na Eurocidade do Guadiana, da Peace and Art Society Organização da Exposição «Aline´s Project» em VRSA, da Peace and Art Society Apresentação de Galas Moderação de Debates e Tertúlias Apresentação de Livros Organização de eventos Co-fundadora do Eco&Design Hotel «Monte do Malhão» Co-fundadora da Mostra Internacional de Cinema «FRONTEIRAS» Voluntariado para a área da comunicação em IPSS's

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.