«Empreender no Feminino: Da Fábrica ao Digital» 3.º ano a celebrar a Mulher na Fronteira

0
105
O Jornal do Baixo Guadiana é parceiro desta edição. Imagem criada por Rui Livramento Rosa

No próximo dia 10 de Março vai ter lugar em Vila Real de Santo António a terceira edição do evento «Empreender no Feminino», este ano dedicado à temática «Da Fábrica ao Digital». Trata-se de um evento organizado em parceria pela Algarve Women Business Network, o Centro Europe Direct do Algarve, o Jornal do Baixo Guadiana, a Eurocidade do Guadiana e a Associação de Mulheres Empresárias de Huelva.

O grande objetivo deste encontro transfronteiriço é juntar as mulheres ativas, inquietas, com visões empreendedoras, com ou sem negócio estabelecido, mas que durante o evento otimizem as suas competências, troquem contactos, estabeleçam metas, conheçam melhor a realidade que as rodeia, de um lado e do outro da Ponte Internacional do Guadiana. Pela experiência das edições anteriores, o que se tem registado é que este evento tem criado rede entre as mulheres que entram numa dinâmica de network com novas mulheres e noutras esferas de empreendedorismo.

Dia Internacional da Mulher aliado ao Ano Europeu do Património Cultural 2018

Sendo esta uma forma ativa de assinalar o Dia Internacional da Mulher, com os olhos postos no empreendedorismo, este ano o evento associa-se ao Ano Europeu do Património Cultural 2018. Assim sendo, parte das dinâmicas do dia acontecerão sob o tema «Indústria Conserveira», que, de resto, é um tópico muito importante e paradigmático do papel da mulher e no que diz respeito ao desenvolvimento da raia que une Vila Real de Santo António e Ayamonte. Visita guiada à exposição «Indústria Conserveira» no Arquivo Histórico Municipal António Rosa Mendes e uma Tertúlia dedicada à temática na Escola Hoteleira, com participação de oradores portuguesas e espanholas, bem como da Confraria do Atum, fazem parte do programa. Mas ao qual se juntará a atividade de tecelagem artesanal «Tecelã» da responsabilidade de duas mulheres empreendedoras, mãe e filha, que levam a cabo este projeto de forma inovadora, mas inspiradas no património legado por anteriores gerações.

Da Fábrica ao Digital

A ponte para a Era Digital é feita naturalmente neste encontro que vai dedicar parte do dia à temática pela oportunidade de um tema que está na ordem do dia pela sua importância e pala necessidade que existe em aumentar a literacia e acesso ao Digital, sendo esta também uma prioridade da União Europeia. Vamos ter comunicações muito diferentes que tocarão diversas perspetivas completamente determinantes nos dias de hoje. O panorama da literacia e importância digital vai ser focado pela Eurodeputada Cláudia Aguiar e por Bella Carballo, presidente da Associação de Mulheres Empresárias de Huelva. Por seu turno Raquel Ponte, da empresa alemã que desenvolve projetos informáticos «Turbine Kreuzberg» vai falar-nos sobre competências digitais, lojas on-line, gestão de redes socias, auto-promoção e marketing pessoal. Já Inês Boski, da Webmill, vai ensinar-nos mais sobre «Tecnologia e desafios sociais».

Alunas da Escola de Hotelaria confecionam menú para almoço sob orientação de Chef Ângela

A Escola Hoteleira de VRSA vai ser o espaço de acolhimento deste dia e tal como no ano passado o almoço, que será oferecido pela organização às mulheres participantes, vai ser confecionado por formandas daquela escola sob a coordenação da Chef Ângela Oeiras. A base será a conserva oferecida pelo patrocinador «Conservas Concepción», de Ayamonte. Trata-se de uma empresa com cerca de 150 anos de história e que tem mantido e inovado a sua atividade com produtos de excelência.

Exposições «Perspetivas» e «Platibandas do Algarve» acompanham celebração do Ano Europeu do Património

De modo a aumentar o espectro de valorização do Património do Algarve, em Ano Europeu do Património Cultural, o evento vai deixar patente a partir de dia 10 de Março na Escola Hoteleira de VRSA a excelente exposição do fotógrafo Filipe da Palma dedicada às platibandas do Algarve. E do outro lado da fronteira e através da mesma organização está assegurada de 21 de Março a 4 de Abril a arrojada exposição internacional «Perspetivas» da Fungo Azul na Casa Grande, em Ayamonte.

Causa Social: Donativos para o Refeitório Social de Ayamonte

Tal como nas edições anteriores este evento associa-se a uma causa social. Este ano as mulheres são convidadas a fazer donativos para o Refeitório Social de Ayamonte, em Espanha. As doações podem ser feitas através de apoio monetário ou géneros alimentares.

Inscrições Gratuitas, mas obrigatórias

Para a participação no evento é necessário a inscrição, que apesar de gratuita mostra-se obrigatória por questões logísticas. A organização vai disponibilizar almoço na Escola de Hotelaria de VRSA. Mediante as inscrições de mulheres que venham de áreas mais distantes da fronteira é disponibilizado transporte.

Foi criado um evento no facebook «III Edição:Empreender no Feminino_ Da Fábrica ao Digital» onde são disponibilizadas todas as informações úteis sobre este a produção deste dia. Aceda a este evento aqui.

Em 2017 foram 70 as mulheres que aderiram ao evento

Apoiam esta iniciativa o Turismo de Portugal – Escola de Vila Real de Santo António, a Associação Odiana, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, o Gabinete de Informação do Parlamento Europeu em Portugal e o Ano Europeu do Património Cultural 2018. O patrocínio oficial é da empresa espanhola «Conservas Concepción», de Ayamonte.

De referir que as duas edições anteriores deste evento tiveram lugar em Ayamonte. Em 2017 o evento contou com a expressiva adesão de 70 mulheres. Veja o álbum do evento aqui.

Siga-nos também pelos hasthags: #EmpreenderNoFeminino   #EmprenderEnElfeminino

Programa III Empreender no Feminino: Da Fábrica ao Digital (hora portuguesa)

8h: Partida de Faro

9h: Abertura – (Ponto de Encontro Escola Hoteleira VRSA) e visita ao «Mundo da Indústria Conserveira» no Arquivo Histórico Municipal António Rosa Mendes, em VRSA (Centro Histórico)

(A realizar na Escola Hoteleira de VRSA)

10h30: Coffee break

11h: Tertúlia e dinâmicas

13h: Almoço

14h: Dinâmica e apresentação «Digital no feminino»

15h: Palestras com os temas «Comunicar no Digital» e «Tecnologia como suporte ao desenvolvimento social»

16h: Coffee break

16h15: Celebração

17h: Encerramento e regresso

As imagens abaixo são relativas à edição de 2017 (II Edição)

A edição de 2017 teve lugar em Ayamonte, Espanha e contou com a participação de 70 mulheres de um lado e outro da fronteira.
Publicidade

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.