Jornal do Baixo Guadiana retoma tertúlias com: «2018: Ano Europeu do Património Cultural»

0
134
Imagem de umas das atividades do CIIP Cacela num passeio temático à volta do património da freguesia

O Jornal do Baixo Guadiana retoma já este mês as «Tertúlia no Baixo Guadiana». O local será a Biblioteca Municipal Vicente Campinas, em Vila Real de Santo António e o tema que reabre estes encontros é: «2018: Ano Europeu do Património Cultural».

O que é Património Cultural? O que representa este Ano Europeu? Qual a importância dos cidadãos nesta abordagem? Que contributos a este nível pode o nosso território do Baixo Guadiana e a nossa região do Algarve dar em 2018? Conhece realmente o património cultural que o rodeia, nomeadamente, para o desenvolvimento económico e social? Tem um olhar crítico sobre as intervenções que nele são feitas ou a falta das mesmas? Tem ideias e gostava de as partilhar? Que importância tem o património cultural na sua vida?

Estas e outras reflexões vão ser feitas na nossa tertúlia para a qual convidamos a que todos participem!

Em breve daremos conta dos nomes dos oradores convidados para a nossa tertúlia, mas não podemos deixar de referir que os nossos oradores não fecham o ciclo da conversa, mas sim abrem-no para refletirmos juntos e darmos a nossa opinião!

Para além do Jornal do Baixo Guadiana e da Biblioteca Municipal Vicente Campinas este mês de Janeiro conta na organização desta tertúlia com a parceria do Centro Europe Direct do Algarve que nos dará a perspetiva da União Europeia neste ano temático de 2018.

Acompanhe este Ano Europeu no facebook.

E na página oficial do Jornal do Baixo Guadiana vamos atualizando a informação acerca desta tertúlia que pretende dar as notícias num discurso ainda mais direto com os nossos leitores!

Publicidade
Partilhar
Susana Helena De Sousa
Formação Superior em Jornalismo (Carteira Profissional 9621): Especialização em Imprensa Escrita pelo Centro Nacional de Formação de Jornalistas (CENJOR) Formação media pela Representação da Comissão Europeia em Portugal Experiência em Jornalismo: Rádio (Voz D'Almada, PAL FM, Guadiana FM), Televisão (TVI, AXN, RTP, Canal História) e Imprensa Escrita (Jornal de Setúbal, Semanário O Algarve, Jornal i, Jornal do Baixo Guadiana); Tese de Licenciatura Bi-Etápica: «Serviço Público de Televisão», (publicação com entrevista a Carlos Pinto Coelho) Co-produção, realização e apresentação do programa de Rádio «Se Dúvidas Existem...», do Núcleo de Estudos e Intervenção Psicolõgica de VRSA Co-produção, realização e apresentação do programa «Viver Aqui», do Núcleo de Imigração da Cruz Vermelha Portuguesa de VRSA para o Alto Comissariado para o Diálogo Intercultural Assistente de Realização para Televisão Produtora para Televisão Escrita para Reportagens Televisivas Escrita de Documentário para TV «O Contrabando no Baixo Guadiana» Escrita do texto filme documental «Um Dia na Santa Casa», de Eduardo Soares Pinto Formação Avançada em Dança Contemporânea (CIRL) Formação Inicial em Teatro (TAS, Teatro O Elefante) Formação Inicial Interpretação para Televisão (Aloysio Filho pela ACT) Participação em antologia poética «5.50» (Poetas do Guadiana) Escrita de prefácio para obra editada (Os Poetas do Guadiana nos meios de comunicação social) e outra obra inédita Autora convidada do livro de contos «Ruas» de Pedro Oliveira Tavares e João Miguel Pereira Revisão de Livro de Contos inédito de Mouji Soares Curandoria de exposição de fotografia de Eduardo Soares Pinto, Espanha Co-organização da exposição internacional de arte «Minha Fukushima» na Eurocidade do Guadiana, da Peace and Art Society Organização da Exposição «Aline´s Project» em VRSA, da Peace and Art Society Apresentação de Galas Moderação de Debates e Tertúlias Apresentação de Livros Organização de eventos Co-fundadora do Eco&Design Hotel «Monte do Malhão» Co-fundadora da Mostra Internacional de Cinema «FRONTEIRAS» Voluntariado para a área da comunicação em IPSS's

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.