Mulheres de Espanha e Portugal viveram dia de empoderamento, alegria e cooperação

0
86

Cerca de 70 mulheres, de um lado e outro do Guadiana – vindas, inclusive, desde São Brás de Alportel e Faro! – estiveram juntas na Casa Grande em Ayamonte, Espanha, no âmbito do encontro transfronteiriço «Empreender no Feminino: Empoderamento Económico», uma co-organização «Algarve Women’s Business Network» e Campanha «30 Anos 30 Iniciativas».
O dia 11 de Março foi marcante pelas melhores razões. Houve entrega, cooperação, início de novas relações profissionais, empatia, divertimento, descontração, alegria e amor pelo próximo. A Causa Social conseguiu angariar cerca de 200 euros em dinheiro e produtos de higiene e calçado para a família de refugiados do Iraque acolhidos pela Cruz Vermelha da Fuzeta.
Pelo palco passaram 12 oradoras, 6 portuguesas e 6 espanholas, com histórias de vida inspiradoras e imensamente genuínas. A eurodeputada Cláudia Monteiro Aguiar partilhou o seu percurso com um brilho nos olhos, sendo que Dora Barradas – Conselheira para a Igualdade de São Brás de Alportel – e Bella Carballo – presidente da Associação de Mulheres Empresárias de Huelva – aceitaram o desafio de cooperarem mais daqui por diante, unindo um lado e outro da fronteira. Foi criado, para já, um grupo fechado que se chama «Rede Mulheres/Mujeres Portugal Espaã» que pretende alimentar nas redes sociais esta cooperação.
Vilma André, Encarna Sayago, Alexandra Jacinto, Anabela Gonçalves, Lola Lorenzo, Esperanza Gerónimo, Rosa Dias, Inmaculada Lorenzo, Sara Gomes Brito, Gema Cayuena (do grupo pintoras El Rellaño), Dália Paulo e Isabel Calheiros foram as mulheres que partilharam o seu percurso de vida.
Oito mulheres ainda, jovens, estiverem no leme da confeção de um menú delicioso – Érica Costa, Mariana Carvalho, Joana Raposo, Cátia Gomes, Tatiana Santos, Leonor Viegas, Alexandra Navarro, Ana Silva e Ana Margarida Jordão, coordenadas pela sua formadora Ângela Oeiras. Vindas da Escola de Hotelaria e Turismo de VRSA.
Um almoço confeccionado através de produtos locais totalmente oferecidos por produtores. A eles agradecemos imensamente: «Feito no Zambujal», «Atlantik Fish», «Lima com Pimenta», «Frusoal», «ANCCRAL», «Carnes D’Ouro» e «Pastelaria e Padaria Cavaco».
Os nossos coffee break também só foram possíveis graças à generosidade total de «A Prova», «Quinta da Fornalha», Cafés Camelo», «Herbalife» e D.Isabel.
A dinâmica de pintura só foi possível graças à organização do grupo de seis pintoras «El Rellaño». A poesia em português e espanhol seleccionada pelos «Poetas do Guadiana» foi brilhante!
A Câmara Municipal de São Brás de Alportel cedeu-nos um autocarro que transportou dezenas de mulheres, o que se mostrou uma cooperação de inexcedível grandeza!
A câmara municipal de VRSA colocou à disposição uma viatura e seu motorista que gentilmente conduziram as nossas cozinheiras. Obrigada! E o ayuntamiento de Ayamonte cedeu-nos um lugar muito bonito e confortável que esperemos ter ajudado a dinamizar e a divulgar além-fronteiras: O Centro de Cultura Casa Grande.
Obrigada a todos os jornalistas e fotógrafos/câmeras que estiveram presentes.
Estamos juntos nestas iniciativas de cooperação entre dois países que se misturam diariamente e que criam laços enormes de amizade, amor e empreendedorismo.
A todas as participantes o nosso muito obrigada! No seguimento do encontro foi criada a rede de mulheres de Portugal e Espanha que pretende fazer as pontes várias entre as diversas mulheres!
De referir aqui na nossa página 30anos30iniciativas que assinala os 30 anos de adesão de Portugal e Espanha na UE está disponível para fazer muitas mais pontes!
Recorde-se que a compõem: CIED Algarve e Jornal do Baixo Guadiana, como organizadores. São parceiros incansáveis a Eurocidade do Guadiana, a Eurorregião Alentejo-Algarve-Andaluzia, Associação Odiana e CCDRAlg.

Ligações úteis:

Justiça e Direitos fundamentais é uma das prioridades da Comissão Juncker:   

https://ec.europa.eu/portugal/about-us/priorities-ec_pt

Igualdade de género 2016-2019:

https://www.tveuropa.pt/noticias/dia-internacional-da-mulher-2017/

#EUjustice; #IWD2017

 

Um artigo de:

Publicidade
Partilhar
Centro Europe Direct do Algarve
O Centro Europe Direct do Algarve é um serviço público que tem como principal missão difundir e disponibilizar uma informação generalista sobre a União Europeia, as suas políticas e os seus programas, aos cidadãos, instituições, comunidade escolar, entre outros. Está hospedado na CCDR Algarve e faz parte de uma Rede de Informação da Direcção-Geral da Comunicação da Comissão Europeia, constituída por cerca de 500 centros espalhados pelos 28 Estados Membro da União Europeia, existindo 19 em Portugal. A Assembleia Geral Anual (AGM ) decorre nornmalmente em outubro e a rede celebrou 10 anos em 2015. Atualmente a Rede de Centros Europe Direct em Portugal inclui 19 centros e é apoiada pela Comissão Europeia através da sua Representação em Portugal. Os Centros de Informação Europe Direct atuam como intermediários entre os cidadãos e a União Europeia ao nível local. O seu lema é «Todos somos EUropa»!

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.